MARCOS TEXTOS

"Guardo em mim tantas coisas, acaso me perca, me encontrarei dentre elas"

Textos


               

Zé Calé


OIP.IyJfUQWJ_8SKCeNJCMDsfgHaHR?w=183&h=174&c=7&o=5&pid=1.7
 
Zezinho era tranquilo
Bom menino, e de fé
Respeitava papai e mamãe
Não mentia, não maldava
Aos mais velhos acatava
Obedecia e cumprimentava
Desde muito pequenino
O jacarezinho, Calé!
 
Bom aluno, só estudava
Adorava ir para escola
Bom irmão e bom filho
Jamais fazia inimigos
Sozinho nunca ficava
Sempre rodeado de amigos
Brincando e jogando bola!
 
Sua mãezinha aconselhava
Muito cuidado meu filhinho
Mas calézinho foi crescendo
Coisas erradas aprendendo
Deixando sua mãe bem preocupada
Com amizades perigosas se envolvendo
Querendo desviá-lo do bom caminho!

 


Certo dia seu pai chega mais cedo
De novo, dá por falta de Calé
Onde se enfiou esse danado
Tô ficando muito preocupado
Deu pra passar as noites fora
Está ficando mal acostumado

Vamos procurar ele mulher!
 
OIP.hDETYK_kYlBVnaa_XZZCFwHaE8?w=220&h=147&c=7&o=5&pid=1.7
                                                            OIP.rQcx6ad3zTDAnMxEEE4SSgHaIg?w=179&h=205&c=7&o=5&pid=1.7
OIP.6L6eCwPfB9pRfhq3WCJZGQHaNT?w=117&h=210&c=7&o=5&pid=1.7

Foram à casa dos conhecidos
Saber de seu paradeiro
Urso João diz, não saber nada
Também a girafa Mafalda
Menos ainda a zebra Doralda
Todos os seus verdadeiros amigos

A tempos, também não veem Calé!

..................................continua...........................

 
Marcosvi
Enviado por Marcosvi em 10/05/2020
Alterado em 10/05/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras